A cuidar do nossos animais de estimação desde 2008

Tara

17 de dezembro, 2015
      É muito difícil explicar a dor de quem perde uma grande amiga de 16 anos. Mas é reconfortante ver a serenidade da partida e ter a certeza de foi uma vida digna e feliz, muito diferente de tantos outros que estão abandonados. E mais reconfortante é saber que ela continua aqui, no meu coração, dando amor incondicional e protegendo-me como meu anjo da guarda, e que no fim da minha jornada vamos nos encontrar em um lugar onde não existem limitações físicas, para continuar nossa linda história de amizade. Sinto tua falta princesa, e saiba que você foi muito amada.